Oie amoreees,

Hoje no filmes e séries, vou falar de Convergente, que assisti essa semana.

Se você por acaso, não leu os livros e/ou não assistiu os filmes anteriores, não recomendo a leitura por conter spoilers.



Direção: Robert Schwentke

Após a mensagem de Edith Prior ser revelada, Tris (Shailene Woodley), Quatro (Theo James), Caleb (Ansel Elgort), Peter (Miles Teller), Christina (Zoë Kravitz) e Tori (Maggie Q) deixam Chicago para descobrir o que há além da cerca. Ao chegarem lá, eles descobrem a existência de uma nova sociedade
O filme começa do ponto de onde o outro terminou, que é com a mensagem de Edith Prior , que havia um mundo fora dos muros que os cercam, e o que eles chamam de Divergentes , são na verdade a salvação para o mundo. Mas Evelin, a mãe louca do Quatro, fecha os portões e tenta restaurar as facções, como antes, mesmo que para isso ela tenha que brigar com Johanna, a ex lider da Amizade  e sua aliada na queda da Erudição.

Johanna fica horrorizada ao ver sua amiga agir do mesmo jeito que Jeanine, então junta os seus aliados e volta ao seu antigo lar.

Em meio a execuções de antigos colaboradores de Jeanine, Quatro consegue resgatar Caleb antes de seu julgamento e os três, junto com Peter - que os força a levarem-no junto, Cristina e Tori conseguem atravessar a muralha e achar uma nova cidade, uma sociedade a primeira vista perfeita.

Só que essa sociedade aos poucos começa a mostrar um lado obscuro, e que vai contra tudo o que eles acreditavam.



Vou ser sincera, não lembro muito do terceiro livro que li faz mais de dois anos, mas gostei bastante, principalmente das tecnologias que apresentam na nova sociedade que eles encontram. A parte das armas, com aquela viseira e o chuveiro são sensacionais.

A história eu acredito que tenha mudado um pouco porque tem algumas coisas que pareceram estranhas a mim, e outras que senti falta do pouco que lembro, mas enfim, se você esquecer do livro, vai notar que a história está muito boa , cheia de emoção, adrenalina, e vontade de chacoalhar a Tris por ser tão ingênua.

O relacionamento dela com Tobias indo para o espaço e ela não percebe isso. Fica tão focada no diretor do lugar, David, que não percebe as manipulações do lugar. Nem o fato dela estar separada de todos porque ela é pura, e não danificada.



O Peter continua sendo o Peter, eu não consigo ficar brava com ele, ele é o que coloca humor no filme. Caleb, continua o chatonildo de sempre, mas dessa vez ele está no lado de Tris, até que se prove o contrário. Já a Christina está bem apagada, quase não pareceu na história.

Agora sobre a Margem, é bem diferente do que eu tinha imaginado. Não imaginava daquele jeito, que me lembrou muito o acampamento do começo do Star Wars VII. Já em Chicago, as facções pegando fogo, eu fiquei com ódinho da mãe do Quatro. Desculpe a palavra, mas ela está uma tremenda vaca neste filme. Acho que já tinha implicância com ela desde o livro.

O final do filme, que dá a deixa para o próximo, não deixa a desejar, mas também não deixa aquele gostinho de quero ver logo a continuação.

Momento periguetice :

O que é a costa do Quatro?? GZUIS . Não tem como você não ficar boquiaberta com aquelas costas tatuadas.



Momento periguetice já passou!


Eu gostei do filme, é bom,  mas deve ser porque não lembro tanto do livro. Então assistam e me contem!!



Ah Até o dia 31/03 tem sorteio de um box da saga para vocês lá no insta do blog.

Corre lá!!

Beijos Beijos


Deixe um comentário

I hope you feel at home when you visit me!!

Please don´t forget to comment on the posts, your opinion is truly important and makes me happy!!

;D

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...