Adooroo romances de época, vocês já estão carecas de saber. E a minha mais nova autora favorita é Mary Balogh, que escreve as série dos irmãos Bedwyn. O primeiro Ligeiramente Casados, é muito bom, mas esse Ligeiramente Maliciosos, é muito muito bom.



O livro é narrado pelos dois protagonistas. Judith Law, uma mulher de 22 anos está em uma diligência, indo para casa de sua tia Louisa Effingham, quando ela tomba na estrada, e tem certeza que é um dos piores dias da sua vida. Até que um belo cavaleiro se aproxima e a escolhe, dentre todos os passageiros a ir com ele procurar ajuda no vilarejo próximo.

Rannulf Bedwyn acaba de deixar o irmão mais velho, Aidan, na fazenda com sua esposa Eve, e os dois pareciam muito apaixonados. E a caminho da casa de sua vó, que pretende fazê-lo seu herdeiro, e que provavelmente quer casá-lo, mas no caminho vê uma diligência tombada e várias pessoas lhe pedem para que procure por ajuda no vilarejo, e assim que ele vê a linda ruiva na beira da estrada, decide convidá-la para ir com ele.

Claro que ela não lhe conta quem é, assim inventa que uma atriz, Claire Campbell, e ele se apresenta com Ralf Beddard, o que nenhum deles imagina é que nenhum é o que o outro pensa. Depois de pedir ajuda na estalagem, a chuva piora, e eles decidem passar a noite, como Sr e Sra Beddard. O que apavora Judith, mas como Claire ela tem que parecer destemida e depois de muito vinho e algumas cenas que ela encena para Ralf, os dois acabam tendo uma noite de amor, sem que ele desconfie que ela era virgem.O dia seguinte também amanhece chuvoso, o que atrapalha a continuação de viagem deles, então eles passam mais um dia e uma noite juntos.

Rannulf /Ralf propõe a ir com Claire/Judith até York, lugar que ela disse que ia. Porém quando o dia amanhece,ela foge dele na primeira diligência, e a dona da hospedaria, aconselha Ralf a correr atrás dela, e que ela viu os lençóis sujos de sangue, isso o faz perceber que ela era inocente ainda.

Achando que os seus caminhos jamais voltariam a se cruzar, os dois seguem até seus destinos tranquilos.

Judith sabe que nada mais é do que uma acompanhante de luxo para sua avó, na casa de sua tia Effingham, mas por adorar demais a senhora sua avó, ela decide ficar quieta e fazer o que lhe mandam. A tia a faz com que aumentem seus vestidos e seus toucadores para que cubram todo seu cabelo de cenoura. Judith, passou a vida toda com seus pais a alertando de suas três maldições.

Aquilo fez Judith ficar séria. Agora ele conhecia o trio de pragas de sua infância: os cabelos cor de cenoura, as sardas e a covinha.

Ela vê sua vida se transformar no que ela mais temera, ser transformada num simples empregada da tia, e vendo sua prima Julianne, com seus cachos loiros e o rosto em formato de coração, ser cortejada aqui e ali. Até que a notícia que Lorde Rannulf chegou para visitar a sua avó e também, para que noivasse de Julianne.

Rannulf sempre foi o queridinho de sua avó, e sabendo que seria seu herdeiro, foi visitá-la mas por adorá-la do que por dever, e sabia também que sua avó lhe arranjaria uma noiva. Já pensava nas formas de dissuadir a nova noiva de casar com ele. Até que reencontra Claire, ou melhor, Judith, uma parente pobre de sua futura noiva, Julianne. A avó das duas era muito amiga da sua avó, por isso era natural que encorajassem o enlace entre os dois, mas quanto mais tempo ele passa com Judith e Julianne, ele vê a diferença entre elas.

Bonito? - repetiu Judith - Não, acho que não, Julianne. Mas, como disse tia Louisa, ele tem uma aparência muita distinta.

Judith não parece acreditar que Ralf na verdade é Lorde Rannulf, noivo de sua prima. E ela se esquivava da maneira que podia dele, mesmo que ainda o queresse muito.Cansada de usar os vestido largos que a sua tia a faz usar sempre, ela coloca um dos poucos que trouxe consigo, e sai caminhar.É nesse momento que seu irmão, Branwell e seu primo, Horace Effinghan, que fica pasmo com a prima linda, e a olha com olhos lascivos.

Horace tenta abusar de Judith, mas é interrompido por Rannulf, que o ameaça, e então jura se vingar deles. E depois de Judith estragar mais um de seus planos, ele quase consegue destruí-la.

Branwell, é um capítulo á parte da vida de Judith, seu irmão estudou no melhor colégio, foi para a universidade e gasta mais do que pode, e seu pai não fala nada, mesmo que para isso tenha que mexer no dinheiro destinado a ela e suas irmãs. Ela descobre que ele está cheio de dívidas, mas ele diz que vai cuidar de tudo. E quando some as jóias de sua avó, claro que a culpa recaí nela e no seu irmão.

A partir daí, Rannulf e Judith, lutam para limpar seu nome e de seu irmão das acusações, mesmo que ela mesmo desconfie do seu irmão, que some logo após o roubo.

O livro é muito bom, há todo um clima de mistério no final, para descobrir quem era o criminoso, o que claro, a gente já desconfia, mas que mesmo assim, faz com que os Bedwyns saiam a caça de Branwell e da verdade. Wulfric Bewcastle, mais uma vez vai á luta, para ajudar seu irmão.

A medida que a história vai acontecendo, vemos a diferença na postura de Rannulf, ele no começo só queria ser livre, depois ele começa a se modificar, descobrindo como administrar a propriedade de avó, e pensando seriamente em se casar, ainda mais depois de descobrir a saúde frágil da senhora. E ainda tem a Judith, que não acredita na sua própria beleza, mesmo todos ao redor acha-lá maravilhosa.

Acho que um pouco de Claire Campbell em Judith Law.

O que falar das duas avós, que duas coisas mais fofas. Uma com seu passado que envergonha a família, embora ela não. E a outra querendo a felicidade de seu neto mais querido.

Agora, que vontade bater nessa tia Louisa, que faz de tudo para Judith acreditar que era um patinho feio, quando na verdade era um cisne. Julianne é muito mimada. E do Horace, nem vou falar desse sujeitinho de merda.

Os momentos hots entre eles são lindos, Rannulf e Judith são muito fofos, mal posso esperar para ler o próximo, que é da Freyja - Girl Power!

As damas sempre acabam perdendo o melhor da diversão - comentou Freyja, com um suspiro. - Venha, vamos para a casa.

Super indico.



Beijos Beijos




Deixe um comentário

I hope you feel at home when you visit me!!

Please don´t forget to comment on the posts, your opinion is truly important and makes me happy!!

;D

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...