Aee mais um romance de época finalizado.

O conde Enfeitiçado é o sexto da série Os Bridgertons , que tem 08 volumes, escrito pelo fofa Julia Quinn.

Esse é o primeiro da série que resenho para vocês - sim , irei resenhar os outros mais para frente.



Esse Livro conta a história da sexta irmã, Francesca, que ao contrário dos outros membros, sempre foi mais introspectiva, reservada, a com humor mais sarcástico e a única que tem olhos claros.

As mulheres odiavam que as mandassem se acalmar, sobretudo mulheres como Francesca.

Nos outros livros não vemos muito essa irmã porque ela casou com 20 anos, e foi morar na Escócia com seu marido , o conde de Killmartin.

Já no começo somos apresentados a Michael Stirling, o primo do marido de Francesca, John, e que secretamente se apaixona por ela no noivado do primo. Como eles são muito amigos, visto que o pai de John e Michael eram gêmeos, e por sete minutos, Michael seria o herdeiro do título.

Mas a morte repentina de John, pega todos de surpresa, principalmente Francesca, que estava apenas dois anos casada, e John, que vira herdeiro do dia para a noite.

Eu jamais desejaria qualquer outra coisa a você. Você...- Ele pigarreou - Você merece ser feliz.

Não suportando o fato de amar a mulher do primo, mesmo que ele esteja morto, e agora ocupar seu lugar na casa, Michael passa quatro anos na Índia, fugindo disso. Quando volta reencontra Francesca e lógico que o amor dele por ela não diminuiu nada. Muito pelo contrário, ele não a esqueceu um só momento.

Francesca é a condessa de Killmartin, mesmo que seu marido tenha morrido e ela não tenha lhe dado um herdeiro, ela assim será até que Michael, decida casar. Mas ela não está se importando com o título, tudo o que ela quer é um bebê. Ainda mais ela, vindo de uma família em que todos tem muitos herdeiros.

Os dois são bem amigos, pelo menos no começo, antes de John morrer. Michael, não tinha inveja do melhor amigo e primo, quer dizer, não por posses ou títulos, mas ele tinha uma inveja do primo por ser casado com Frannie, a mulher por quem ele se apaixonou a primeira vista. E Frannie não ajuda nada, sendo tão amiga dele também.

A sua fé na minha força sobre-humana é comovente.
Francesca fez uma pausa ao chegar na porta.
Michael, posso garantir que você é o paciente á beira da morte mais irritante que já conheci.
Mas eu vivo para diverti-la! - gritou ele quando Francesca já estava no corredor, certo de que se ela tivesse alguma coisa para atirar na porta, o teria feito. Com imenso vigor.

Mas a morte de John, muda tudo entre os dois, e acaba criando uma barreira, que Michael cria por se ver desejando a viúva de seu primo. Tanto que ele passa quatro anos na Índia e resolve voltar de surpresa. Já Francesca começa ver Michael com outros olhos, depois dessa volta da Índia. Ela começa a ver como homem, não como um amigo querido.

E claro que as coisas começam a ficar mais estranhas, quando Michael começa a sofrer da doença que trouxe da viagem e ela cuida dele. E começam a ficar quentes quando Michael tenta convencê-la a se casar com ele, graças a intervenção de Colin.

Se quiser terminar - começou ele, usando o mesmo tom que talvez usasse para falar de negócios - terá de fazê-lo como condessa de Killmartin.

Eu sou a condessa de Killmartin - resmungou ela.

Ele assentiu.

Sim, mas terá de fazê-lo como a minha condessa de Killmartin.

Adorei rever os antigos personagens , assim como saber um pouco mais sobre as doenças da época. Esse é um livro que dá muitas informações com relação as doenças até então desconhecidas como aneurismas e malária.

Adorei um livro, muito embora tenha achado a Francesca meio chatinha, mas talvez por ela não ter o gênio espalhafatoso dos Bridgertons. Agora Michael merece too meu amor, ele é fofo, engraçado e bonitão, e ainda por cima, não tinha um pingo de inveja do primo ser o herdeiro.

Os diálogos espirituosos, irônicos e engraçados continuam. Principalmente quando Francesca está irritada e Michael faz graça.

Mãe - começou, balançando a cabeça -, você realmente deveria ter parado em sete.

Filhos, você quer dizer? - indagou Volet, bebericando o chá. - Ás vezes eu penso a mesma coisa.

Mãe! - exclamou Hyacinth


Só um curiosidade:

O livro em inglês tem dois epílogos, um que a Arqueiro colocou e o outro que , rumores dizem, será lançado posteriormente. Esse segundo epílogo é bem longuinho, e fala de toda a prole dos Bridgertons três anos após o final deste livro. Isso significa que tem spoiler dos livros de George e Hyancinth. Mas é sensacional. Acredito que seja uma das melhores partes dos livro.


Beijos Beijos

Deixe um comentário

I hope you feel at home when you visit me!!

Please don´t forget to comment on the posts, your opinion is truly important and makes me happy!!

;D

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...