Sou encantada por capas! E fico mega feliz quando as capas originais também são lançadas aqui.Como por exemplo essa do Loving Mr Daniels, que eu sou apaixonada a um tempo, mas nunca peguei para ler mesmo, sempre ia passando outros livros na frente, não me pergunte o motivo.

Então quando finalmente a Record lançou por aqui, Sr Daniels, criei vergonha na cara e fui ler. Não vou dizer que me arrependi amargamente porque embora ele seja muito lindo, acho que estou meio amortecida depois de ler só livro de desgraça haha



Mr Daniels conta a história de Ashylin e Daniel.

Ashilyn é uma garota de 19 anos, que acaba de perder sua irmã gêmea, Gaby, para a leucemia. Como se isso não bastasse, a mãe com quem ela nunca sentiu muita ligação, não a quer mais perto dela e a manda para morar com o pai, com quem nunca conviveu, em outra cidade, com sua nova família. Devastada pela dor da perda e da rejeição, ela se muda com algumas coisas e um baú, onde tem as cartas que Gaby escreveu antes de morrer.

As cartas só podem ser abertas depois que o item relacionado a ela, na lista de coisas que Ashilyn deve fazer antes de morrer, forem feitos. Assim Ash começa a fazer as coisas para poder ler as palavras que Gaby deixou para ela, uma forma de ter ainda mais presente sua irmã.

 Com essas cartas, ela de alguma forma brigou com a morte. De alguma forma sobreviveu.

Na nova casa, ela conhece Hailey e Ryan , filhos da nova esposa do pai de Ash, quase da mesma idade dela. Os três acabam tendo afinidade logo de início, mesmo com o problema de relacionamento de Ash com o pai, que por sinal é o assistente do diretor na nova escola de Ash, onde ela irá frequentar seu último ano, já que ela é um ano atrasada porque ficou doente quando criança e perdeu um ano escolar.

Um pouco antes de voltar as aulas, ela resolve ir a um bar, o Bar do Joe, e lá encontra o bonitão de olhos azuis que viu no trem vindo para a cidade. Ele tem uma banda Romeo's Quest, que está se apresentando no bar. Claro que nenhum dos dois perde a oportunidade e ficam juntos.

O bonitão é Daniel Daniels, um homem de 23 anos, que tem um passado bem fudido triste, sua mãe foi assassinada por um desafeto do irmão Jace, que está preso por drogas e roubos, por sinal ele que entrega o irmão - o que eu achei muito decente da parte dele. E para finalizar , seu pai acaba de falecer também. No meio de todo esse caos, Ashylin é um bálsamo para ele. Até que começa seu ano letivo como professor na escola da cidade. E adivinha quem é sua aluna?

Entre indas e vindas, confusões e um romance proibido entre professor e aluna, Ashilyn e Daniel vão descobrindo que entre beijos, Shakespeare e música, eles ainda tem um longo caminho a percorrer no amor e na dor.

Vivo. Quero estar vivo, e não tenho nem ideia do por quê, vendo quão horrível é a vida às vezes.

Não vou falar que chorei nesse livro, porque não fiz isso, mas varias vezes até lacrimejei, mas não sei, alguma coisa no livro não me emocionou tanto. Isso é estranho porque o começo é muito bom, é bem pauleira , mas de repente cai naquela fórmula do vai e volta do casal, aquelas frases de shakespeare também deram a impressão de que o livro ia por um caminho, mas não foi. Isso sem falar na morte que deveria ter sido bem impactante, mas que ela dá todas as dicas que vai acontecer, então perde um pouco da emoção.

Os narradores do livro são Ashilyn e Daniel, alternando os capítulos entre os dois. Lá pelo meio do livro, Ash não parece mais aquela garota devastada pela morte da irmã e sim pelo namoro proibido. Os dois são personagens bem construídos e claro que tem uma boa química juntos. Mesmo com o final corrido da autora.

Tem cenas fofas, daquelas que vertem açucar, assim como tem cenas que te faz ficar " FDP de autora, pra que fazer isso com eles?"

Ser um adolescente é uma maldição e um dom. É a idade onde os contos de fadas param de existir e Papai Noel não é real mas parte do nosso coração precisa dizer “E se..."

Ryan e Hailey roubam a cena quando são mencionados. Os dois são personagens muito fortes para permanecerem em segundo plano. Tanto que me vi querendo saber do relacionamento doentio de Hailey, dos "Tonys" de Ryan, da mãe babaca deles - muito ódio dela - , mais do que queria saber dos personagens principais.

Mas não pensem vocês que o livro é ruim. Ele é bem escrito, acho que eu que não estava na sintonia certa com o livro e ele não me empolgou tanto, ou as minhas expectativas eram tão altas e ele acabou me decepcionando.



Mas o que eu digo é deem uma chance, ás vezes é o livro que você vai colocar na sua prateleira de favoritos e chorar muito abraçada com ele.


Beijos Beijos,

Deixe um comentário

I hope you feel at home when you visit me!!

Please don´t forget to comment on the posts, your opinion is truly important and makes me happy!!

;D

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...