O Natal vem vindo… Vem vindo o Natal… O Natal vem vindo… Vem vindo o Natal… O Natal vem vindo… Vem vindo o Natal… Comemore esta festa… O Natal… Está chegando… Chegando… Chegando naquela cidade… tchruru... tchururu

É quase Natal minha gente,  e quem acompanha o blog sabe que sou encantada pelo Natal... Então é claro que surtei ao saber que a NC ia lançar o livro da Lisa Keyplas  de Natal =D



Eu li mega rápido, até porque ele é curtinho, é uma leitura super gostosa, diferente para quem está acostumado a ler os romances de época da autora.

Holly é uma garotinha de seis anos que perde a mãe em um acidente  de carro, e como não se sabe quem é o pai, seu tio Mark que acaba como seu tutor. O problema é que Mark, assim como seus irmão e tios da menina, Sam e Alex, não tem a menor noção de como criar uma menininha,  aliás eles não tem a noção de família já que a familia deles era toda desestruturada. Mas com essa responsabilidade nova, Mark e Holly vão morar na casa grande, e que necessita de reformas,  com Sam, em seu vinhedo em Friday Harbor, uma cidadezinha do interior.

Seis meses depois, em uma casa que vive numa eterna reforma, Holly é a princesa dos tios que morreriam por ela, principalmente Mark, que se tornou pai da menina. Holly não fala uma palavra desde a morte da mãe, e como os médicos dizem que vai passar com o tempo, os tios esperam e mimam a garotinha como podem.

O Milagre acontece ao visitar a nova loja de brinquedos da cidade.

Maggie, a proprietária, é uma jovem viúva, que vê em Friday Harbor, uma chance de recomeçar após a morte do marido, vítima de câncer. E mesmo ainda sofrendo, ela é alegre e acredita em coisas boas e desperta em Holly a fantasia e a faz acreditar em magia, e estimula a imaginação da menina, coisa que seus tios não fazem porque não apoiam esse tipo de coisa. Mas quando eles vêem que a garotinha volta a conversar, é claro que Maggie acaba se envolvendo na familia.

Mark fica encantado com a baixinha ruiva que trabalha com brinquedos, assim como Maggie também se sente muito atraída pelo tio bonitão de Holly, mas Mark é comprometido com a chata Shelby, que ele não ama, mas se sente bem. E Maggie não quer se envolver porque não quer passar por todo sofrimento que teve com seu marido, mais uma vez.

O foco do livro são os três personagens, Holly, Maggie e Mark. Não que os outros não sejam bonitinhos, mas esses três se conectam por meio de um pedido de Holly ao papai noel e por meio da dor, da perda e da vontade de amar.

- Não estou pronta.

Os dedos dele brincaram com os cabelos dela, penteando devagar por entre os cachos.

- Quando você acha que vai estar pronta?

- Não sei. Preciso de uma pessoa de transição antes.

- Eu vou ser o seu cara de transição.

Mesmo naquele momento, na angústia dele, ele quase conseguiu fazê-la sorrir.

- Então quem vai ser o cara depois disso?

- Eu vou ser esse cara também.


Como diz no título, Uma Chance para recomeçar,  esse livro fala de recomeços, é um livro mega fofo, não espere um romance arrebatador ou um livro profundo. Este é um livro para se pensar, traz uma mensagem clara que todos podem recomeçar , fazer a sua vida diferente. 

Super indico para aqueles que adoram um conto de Natal que fica um gostinho de quero mais.

Beijos Beijos


Deixe um comentário

I hope you feel at home when you visit me!!

Please don´t forget to comment on the posts, your opinion is truly important and makes me happy!!

;D

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...