O Filho de Netuno - segundo livro da série " Os heróis do Olimpo " foi o segundo livrinho que tirei da minha pilhinha GIGANTE de não lidos e que terminou a série esse ano =D



Este livro eu enrolei  um pouco mais para ler porque eu comecei a ficar um pouco cansada devido algumas coisas que tenderam a ficar repetitivas. Não que a historia estivesse chata, mas teve várias vezes que eu me peguei pensando " Putz já li isso".

O livro é legal, conta um pouco sobre os deuses romanos e nórdicos... e posso dizer que eles são ruins... Os personagens estão bem mais louquinhos que nos anteriores. Acho que por Roma ser mais Guerreira do que imparcial resultou em personalidades mais explosivas.

Percy  ( sim ele está de volta \o/)   encontra o acampamento Júpiter  que é um espécie de acampamento meio sangue, só que mais elaborado, quase um mundo a parte, governado por métodos romanos. 

Exemplos: 

Eles têm um Senado para decidir sobre Missões e outros assuntos do acampamento, como as eleições para pretor- que é uma espécie de comandante ou general ; 
Os campistas não são divididos de acordo com os deuses de quais são filhos, são agrupados em Coortes ou  grupos militares ; 
O que eu também achei interessante são os Lares , que são espíritos ancestrais -  sim espíritos o.O - que caminham livremente pelo Acampamento, e dão suas opiniões; 
Não existe um Oráculo, mas um áugure chamado Octavian – que dá destripa ursinhos de pelúcia e é um imbecil – 
E  o que eu achei mais interessante - e Percy Também - é que há uma espécie de mini-Roma ao lado do Acampamento Júpiter, onde os semideuses podem se “aposentar”, fazer faculdade e viver ao lado de suas famílias, sem precisar ficar fugindo de monstros a vida toda.

*Voltando*

Lá Percy, completamente desmemoriado graças a fofa ( só que não)  da Hera, conhece Hazel e Frank, que fazem parte da Coorte mais "fraca" por assim dizer e  após um treinamento no acampamento que os fazem recuperar um pouco de honra, o pai de Frank aparece e lhes dá uma missão, que pode salvar ou não a vida de todos.  Lembrando que ainda há aquela profecia que está dependendo do sucesso desta missão. 

Em meio a missão vamos conhecendo melhor Hazel , filha de Plutão , que tem uma historia bem interessante e Frank, um garoto ao mesmo tempo forte e sem confiança, leiam que vocês vão entender.... E Percy vai recuperando memórias, e tendo sonhos estranhos com Gaia e Annabeth.

As partes de ação são aquelas mesma de prender o folego e por mais que você saiba o que vai acontecer , sempre há elementos surpresas. ( Again??)... Fora as brincadeiras com empresas que nós conhecemos e que pertencem a elas... ou com os Deuses mesmo... Tio Rick é muito amor...
Ele tirou um iPad preto do nada. O deus da morte bateu na tela algumas vezes, e tudo que Frank conseguia pensar era: por favor, que não haja um aplicativo para ceifar almas.

O Percy continua o mesmo... e me irritei um pouco com o chorão do Frank...

Há muitos personagens novos nesse livro que me encantaram. Como a harpia Ella - que é muito muito fofa- , a Hazel - a história dela é muito legal - e as duas irmãs Reyna e Hylla - uma é pretora do Acampamento Júpiter e a outra é a rainha das Amazonas.  
-Pensei que vocês odiassem os homens. Tanto Hylla quanto Kinzie riram. -Odiar os homens? Não, não, nós gostamos deles. Só lhes mostramos quem é que manda.


Segurem -se aí que logo logo venho com A Marca de Atena ;)

Beijos Beijos


Deixe um comentário

I hope you feel at home when you visit me!!

Please don´t forget to comment on the posts, your opinion is truly important and makes me happy!!

;D

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...